4 dicas para escolher os melhores brinquedos para crianças

dicas_para_escolher_os_melhores_brinquedos_para_crianças.jpg.jpeg

Os brinquedos para crianças não são apenas diversão e entretenimento. Quando bem escolhidos, são verdadeiras fontes de aprendizado, afinal, é por meio do brincar que a coordenação motora, a socialização, a criatividade, o vocabulário, a percepção tátil e muitos outros pontos do desenvolvimento infantil são trabalhados.

Daí a necessidade de escolher brinquedos que não sejam apenas divertidos, bonitos e coloridos, e sim que possam contribuir para o processo de aprendizagem da criança. Confira a seguir dicas para tomar a decisão certa.

1 – Escolha de acordo com a idade

As crianças passam por diferentes fases de desenvolvimento e para cada idade há os brinquedos mais adequados e recomendados para ajudar no aprendizado. Até os 2 anos de idade, os blocos de encaixar ou empilhar e livros de pano estimulam a função cognitiva e despertam a curiosidade.

Já entre os 2 e 3 anos, as crianças estão em um momento de desenvolvimento do equilíbrio e da noção de espaço. Trazem bons estímulos a montagem de quebra-cabeças simples, brinquedos musicais que ensinam palavras e números, bem como brinquedos de empilhar ou encaixar um pouco mais complexos do que os recomendados para os pequeninos. Esses itens contribuem para uma melhora da percepção visual, tátil e coordenação motora.

Entre os 3 e 5 anos, a turminha já começa se interessar por jogos simples, que exigem atenção, como aqueles com letras e números, animais etc. Esses brinquedos ajudam a desenvolver o conhecimento básico e costumam ajudar até mesmo o desempenho na escolinha.

Dos 5 aos 7 anos, as crianças já estão mais crescidinhos e os interesses são bem variados. Nessa idade, podemos incluir jogos de memória, quebra-cabeças com um pouco mais de complexidade e vários joguinhos educativos para contribuir na alfabetização.

2 – Brinquedos educativos são os mais indicados

A criança precisa brincar para se desenvolver, afinal, essa é uma atividade sadia e extremamente necessária. E oferecer uma gama de opções para que ela possa se sentir estimulada a aprender é fundamental. Para isso, brinquedos educativos são uma excelente escolha.

Esses brinquedos contribuem para que a criança aprenda números, letras, histórias e desenvolva a coordenação motora, atenção, audição, adquira senso espacial e tátil, entre diversos outros benefícios trabalhados de forma natural e lúdica. Grande parte desses brinquedos possibilita que as crianças interajam umas com as outras e compartilhem experiências, fator crucial para o desenvolvimento dos pequenos.

Ao presentear uma criança, dê preferência aos brinquedos educativos que são coloridos, divertidos e ofereçam o máximo de estímulos possível.

3 – Tenha muita atenção à segurança do brinquedo

Tenha cuidado com a segurança dos brinquedos, veja se têm o selo de segurança do Inmetro e também observe se há peças soltas, pequeninas, que podem ser engolidas. Observe se há cantos pontiagudos ou até falhas no acabamento que possam causar eventuais machucados.

No caso de ser necessária alguma montagem, siga as orientações com cuidado e não se esqueça de verificar a embalagem para se certificar da idade para a qual o brinquedo é recomendado.

4 – Brincar em parquinhos é benéfico para as crianças

Além de oferecer brinquedos, levar as crianças para brincarem em parquinhos e playgrounds de condomínios ou praças também é benéfico para as crianças. Nesses locais, elas aprendem a socializar, a compartilhar os brinquedos, bem como a entender que cada uma tem a sua vez. Além do mais, poderão se movimentar bastante e gastar mais energia do que se ficarem sempre dentro de casa.

Por exemplo, brincar em um balanço ajuda meninos e meninas a ter noção de velocidade; no trepa-trepa, aprendem a se equilibrar. Dedique sempre um tempo para levar os pequenos em parquinhos, pois além de se divertirem muito e gastarem energia, vão desenvolver habilidades a partir da prática.  Se você vive em um condomínio com área de lazer, estimule seu filho a levar seus jogos para compartilhar e brincar com outras crianças.

Contudo, não se esqueça de estar atenta à segurança dos brinquedos disponíveis e certificar-se de que são adequados para a idade de seu filho. Escadas muito grandes, correntes enferrujadas ou cordas desgastadas podem provocar acidentes.

Gostou das nossas dicas para escolher os melhores brinquedos para as crianças? Curta a nossa página no Facebook e acompanhe mais novidades e informações!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo